Comentarios de lectores/as

Enquanto Algumas Estatais Se Recuperam, Correios Ficam Para Trás

"Yasmin da Cunha" (2018-06-10)


correiosAlém do enxugamento das agências, demissões, ameaça de privatização e transformações no plano da saúde são alvos dos protestos. Em resposta, o presidente dos Correios lembrou que quem fica feliz com a greve são os concorrentes que atuam fora do serviço monopolizado pela estatal. Os correios passam sem demora na hora da verdade. A corporação tem que se reinventar. O monopólio postal é uma atividade que cai a cada ano. O Brasil não fez a lição de residência. No passado, havia usuários do sistema. Hoje tem que encaminhar-se atrás dos clientes. A atividade do monopólio acabou.

"No instante, a corporação aguarda uma decisão por divisão daquele tribunal. A audiência está marcada para a tarde de hoje", informam os Correios sobre a charada do plano de saúde. Para a empresa, a greve é injustificada e ilegal, "pois não houve descumprimento de cada cláusula do acordo coletivo de trabalho da categoria". Pelo menos 6 pessoas neste momento foram presas, até o meio-dia de hoje (12), pela Operação Rizoma, deflagrada na Polícia Federal em conjunto com o Ministério Público Federal (MPF). A operação investiga os crimes de lavagem de dinheiro, evasão de divisas e corrupção que causaram prejuízos com investimentos malsucedidos nos fundos de pensão dos Correios (Postalis) e do Serpro (Serpos). Novas 4 pessoas já haviam sido localizadas e deverão se expor ainda nessa tarde à Polícia Federal (PF). A ação envolveu 140 policiais federais no cumprimento de 10 mandados de prisão preventiva e 21 mandados de pesquisa e apreensão em 3 unidades da federação: Rio de Janeiro, São Paulo e Distrito Federal. O presidente dos Correios falou que, hoje, 2 terços da receita da corporação são usados para pagar despesas com pessoal. O ótimo Dia Brasil fez um giro em São Paulo, Santa Catarina e Sergipe para comprovar exemplos do desmonte dos Correios. No interior de São Paulo, neste momento tem agência primordial fechada em Bauru.

A paralisação de trabalhadores dos Correios iniciada na noite de terça-feira (dezenove) atinge agências de ao menos grafica jornais 21 Estados nesta quarta-feira (vinte), segundo a Fentect (Federação Nacional dos Trabalhadores em Corporações de Correios e Telégrafos e Idênticos). De acordo com os Correios, todavia, o protesto não afeta o atendimento ao público. Os aprovados foram alocados em 345 cidades, cumprindo jornada de 44 horas semanais. Por ter sido praticado em 2011, o concurso já tem teu prazo de validade expirado, aumentando a espera por algumas vagas. Desde o último certame, em 2011, os rumores a respeito de abertura de novos editais pros Correios tem sido uma constante, além das notícias acerca da convocação dos candidatos aprovados. O concurso teve validade de dois anos e, em 2013, chegou a cogitar um novo edital pra preencher a busca dos Estados que não haviam tido candidatos aprovados. A ideia é ampliar: Residência a greve, de tão rotineira, agora nem rende mais manchetes na imprensa escrita e mencionada. O público brasileiro se vê prejudicado sem que nenhuma autoridade trate o defeito como emergência nacional, contando com a lamentável omissão da oposição política. Esse caos só é possível visto que até hoje o Congresso Nacional não regulamentou o direito de greve no serviço público e não se dispôs a terminar com o monopólio postal. Não é necessário privatizar os Correios. O governo que mantenha com tua organização estatal.



.......................................................................................................................................................................................................

Contacto

Teléfono: (+598) 2359 5478
Fax: (+598) 2354 2052
Correo-e:agrocien@fagro.edu.uy
http://www.fagro.edu.uy/agrociencia/