Comentarios de lectores/as

Intolerância à Lactose

Alícia Fernandes (2018-10-10)


suplementos alimentaresRótulos de todos os alimentos e bebidas industrializadas terão que mostrar, em até dois anos, alertas a respeito da presença de lactose pela constituição dos produtos. A decisão, que institui critérios e período pra nova advertência nos rótulos, foi tomada nessa terça-feira (31) na Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária). A proporção ocorre após o governo sancionar, em julho de 2016, uma lei que imediatamente obrigava que o alerta fosse inserido. A explicação é o acrescentamento no diagnóstico de pessoas com intolerância a essa substância, que é um açúcar presente no leite. Faltava, contudo, regulamentar como essa advertência seria feita. Sem demora, a nova norma prevê que alimentos tragam 3 tipos de alerta, a necessitar da quantidade de lactose nos produtos. As diretrizes de dietas recomendam que as pessoas com intolerância à lactose escolham derivados do leite com menores níveis de lactose que o leite comum, como o iogurte e os queijos duros. O leite sem lactose ou com pequeno teor de lactose e derivados do leite acessíveis na maioria dos supermercados, são aproximados a leite comum entretanto que a enzima lactase foi a ele adicionada. O leite sem lactose permanece fresco por acerca da mesma extensão de tempo ou mais que o leite cmum se ele for ultra-pasteurisado.

Você comeu um pão de queijo quentinho no café da manhã, achando que o dia começaria melhor por isso. Ledo engano. De forma acelerada a barriga começa a fazer sons estranhos, os pelos do braço se arrepiam e você prontamente domina: precisará correr pro banheiro do escritório, não importa se tem alguém lá dentro. A lactose é um açúcar achado no leite de mamíferos, composto por glicose e galactose. Em em torno de 70 por cento dos habitantes do nosso planeta, a láctase torna-se inativa a partir dos seis anos. Em outros termos, por volta de 70 por cento da população mundial sofre de ligeira ou mais aguda intolerância à lactose.

A intolerância à lactose é uma carência no corpo que poderá ser controlada com dieta e remédios. O tratamento adiciona a suspensão da ingestão dos derivados de leite. Com a avanço dos sintomas, estes alimentos vão sendo incluídos gradativamente pela alimentação do paciente, até que seja identificada a quantidade máxima suportada pelo corpo. Essa maneira de tratamento visa preservar o cálcio pela alimentação, nutriente indispensável na nutrição. Aqueles que desenvolvem a intolerância à lactose são capazes de ter uma vida perfeitamente normal, desde que observem uma dieta que respeite os limites de consumo de leite que seu corpo suporta. Podes ser necessária uma redução da dose. Infecção com ou sem neutropenia: todos os pacientes devem ser orientados a procurar atendimento médico de imediato após o primeiro sinal de infecção. Insuficiência renal: a monitorização da atividade renal é aconselhada em pacientes com insuficiência renal. Transtornos da tiroide: recomenda-se o controle incrível das condições co-mórbidas que influenciam a atividade da tireoide antes do início do tratamento. No caso do pão, esse fator é respeitável visto que, dessa forma que o pão entra no forno, a temperatura no teu interior é menor que na porção de fora. Deste jeito as enzimas agem no açúcar com grande rapidez na primeira metade do tempo de assadura. Depois de isso são destruídas. Como essa de no caso da temperatura, há um valor pra atividade ótima o qual, depois de ele acontece um ligeiro decréscimo. A atividade enzimática é influenciada diretamente na ação do tempo. Quanto mais tempo a enzima lactase comprar estiver em contato com o substrato, mais produtos serão produzidos, sempre que houver substrato.

Como o médico faz o diagnóstico? Freqüentemente a intolerância à lactose é sugerida na história clínica, principalmente no momento em que as informações são acordados e particularmente perguntados. A diminuição de sintomas depois de algumas semanas de dieta livre de lactose serve como teste diagnóstico/ terapêutico. O Teste de Tolerância à Lactose é o usado em nosso meio, já que não dispomos do Teste Respiratório, tido com o mais sensível e claramente o mais descomplicado dos métodos. Entre nós, o paciente recebe pra ingerir um copo d'água contendo de 50 a cem g de lactose e lhe é tirado sangue quatro a cinco vezes no espaço de duas horas. AMILASE SALIVAR: Também é secretada pelas glândulas salivares e também age sobre o amido. PEPSINA: Produzida na própria parede do intestino, ela age a respeito de as proteínas. Seu melhor desempenho acontece em pH ácido. A pepsina é produzida numa maneira inativa, o pepsinogênio, que ao entrar em contato com o HCl (ácido clorídrico) se torna ativo e vira a pepsina.

Aquecimento agora provoca alteração em gene animal. Várias espécies animais estão se modificando geneticamente pra se adaptar às rápidas transformações climáticas no espaço de só novas gerações, evidenciam cientistas. O texto pressupõe uma interpretação darwinista ou lamarckista do método evolutivo? O gene B‚ da população dois. O gene B2 fica protegido da seleção nos heterozigotos e, desta maneira, tua freqüência é superior que zero. Na população 1, todos os genes A1 são eliminados a cada criação, logo tua freqüência será zero. Alguns pacientes podem tolerar a quantidade de leite diversas vezes adicionado ao café, durante o tempo que outros têm diarréia após consumir pequenas quantidades de lactose. Alguns aturam o iogurte, mas não outros produtos lácteos. Intolerância à lactose é uma situação aproximadamente inofensiva. Se você tem rosácea, e por cada porquê não podes seguir uma dieta isenta de lactose, não há nenhum traço, nem sofrerá conseqüências de qualquer tipo. Contudo, é viável que os sintomas reaparecem. Quais os alimentos que contenham lactose? Produtos de panificação pão e outros ou de pastelaria (encontre a constituição no rótulo). Alimentos preparados (assim como ler o rótulo).



.......................................................................................................................................................................................................

Contacto

Teléfono: (+598) 2359 5478
Fax: (+598) 2354 2052
Correo-e:agrocien@fagro.edu.uy
http://www.fagro.edu.uy/agrociencia/