Comentarios de lectores/as

Enzimas, Proteínas, Função, Tipos, O Que São Enzimas

Alícia Fernandes (2018-09-25)


A química dos alimentos trouxe o câncer, síndrome metabólica, mutações genéticas e endócrinas (principalmente nas mulheres). Prefira temperos naturais e mel. Cinco. Faça alguma atividade física que demande extremamente esforço. Pesquisas evidenciam que a partir de 250 minutos/semana de exercícios ocorre perda de gordura ponderal prolongada. Seis. Durma mais, beba menos e NUNCA COMPRE AQUILO QUE VAI TE Ganhar peso. Faça abdominais como faz agachamentos, saltos, flexões, puxadas… O organismo não consome gordura de modo localizada. Exercícios vigorosos ativam o sistema endócrino pra acelerar o metabolismo e consumir a gordura corporal. Mudando o estilo de vida você se aproximará da totalidade da tua saúde, da sua longevidade e do teu organismo. Sono após as refeições, desânimo. Exagero de gases no trato digestivo. Dor de estômago, azia, enjôo. Diarréia, constipação, fezes mal cheirosas. Alergia a certos alimentos, atopia. Cólica menstrual, menstruação irregular. Enrijecimento dos músculos ao redor dos ombros. Inflamação do pâncreas (aguda ou crônica). Diminuição do ácido estomacal. ENZIMAS são sofisticados dispositivos moleculares responsáveis pela aceleração das reações químicas que ocorrem em sistemas biológicos.

suplementos alimentaresEste defeito surge no momento em que o corpo não produz ou produz em quantidade insuficiente as enzimas digestivas chamadas lactase, responsáveis por quebrarem o açúcar do leite. No momento em que não acontece este quebra, o açúcar do leite chega ao intestino grosso inalterado, se acumulando e sendo fermentado por bactérias que produzem ácido lático e gases. Como resultância, a pessoa dá quadros de retenção de líquido, diarreias e cólicas. Quais os Tipos de Intolerância à Lactose? Várias pessoas são capazes de suportar de 120 a 240 ml por dia, se ingerirem alimentos com lactose durante as refeições. Esta combinação colabora a chegada gradual da lactose ao jejuno (porção média do intestino delgado) para ser digerida. Há pessoas, todavia, cujo nível de intolerância é tal que precisam de uma dieta sem nada de lactose. Deste jeito, é preciso examinar cuidadosamente os rótulos de pães, bolos, biscoitos, margarinas e outros alimentos industrializados antes de consumi-los.

Aproveite também para retirar todas as tuas dúvidas. O especialista assim como terá que lhe fazer várias dúvidas. Você ingeriu um alimento ou bebida que contenha leite? Quando os sintomas começaram? Os sintomas são frequentes ou ocasionais? Checape de tolerância à lactose, em que o paciente ingere um líquido cheio de lactose pra, depois, realizar um check-up de sangue e investigar a quantidade de glucose pela corrente sanguínea. Checape de hidrogênio expirado, suplementos alimentares em que o paciente bem como ingere um líquido com altas quantidades de lactose pra que o médico, depois, analise a quantidade de hidrogênio expelido pelo hálito do paciente.

Nos dias de hoje muito se tem debatido a respeito e também inúmeros equívocos são cometidos. A intolerância à lactose acontece em pessoas que não produzem ou produzem pequena quantidade da enzima lactase. A alergia à proteína do leite afeta o sistema imunológico. A lactose é um carboidrato, denominado como açúcar do leite. A lactase é a enzima que tem a atividade de hidrolisar (quebrar) a lactose, facilitando a sua digestão e absorção pelo intestino. A lactose está presente naturalmente em todos os leites de origem animal. Até mesmo o leite materno tem lactose. Quando a lactose não é digerida e absorvida ela é fermentada pelas bactérias intestinais causando não apenas diarreia, porém assim como incômodo por distensão abdominal, gases, cólicas e má digestão. Apesar de que muito rara, a intolerância congênita pode mostrar-se no fedelho e mostrar sintomas agora nas primeiras mamadas.

Essa condição é conhecida como herança autossômica recessiva e é passada de geração em formação. Isso significa que em tal grau o pai quanto a mãe necessitam irradiar o gene da intolerância à lactose pro filho para que ele apresente a dificuldade. Grande quantidade de fatores são considerados de risco para a intolerância à lactose. Os sintomas de intolerância à lactose normalmente começam de trinta minutos a duas horas depois de a pessoa ingerir produtos ou bebidas que contenham lactose. Ao longo do tempo que a comida fica nessa seção superior, insuficiente ácido ou enzimas são segregadas pelo corpo humano. As enzimas da própria comida começam a digerir a comida. Quanto mais dessa auto digestão ocorre menos serviço o corpo necessita realizar mais tarde. Quando este tempo de 30 a 40 minutos passa, a quota inferior do estômago abre e o corpo começa a gerar ácido e enzimas.

suplementos alimentaresRecém lançada pelo Laboratório Apsen, a enzima digestiva LACTASE, imediatamente está acessível no Brasil àqueles pacientes portadores de Intolerância à Lactose. A Intolerância à Lactose caracteriza-se pela incapacidade ( parcial ou total ) do sujeito em digerir a lactose ( açúcar do leite ) em consequência a deficiência ou inexistência da enzima intestinal chamada lactase. Esta afecção gera transtornos gastrointestinais e sistêmicos que limitam e diminuem de sobremaneira a particularidade de vida destes pacientes. Uma vez diagnosticada e quantificada, o tratamento dessa deficiência enzimática sempre implica em uma redução ou restrição do consumo de leite e derivados a encerramento de se eliminar os sintomas. Para quem não quer abrir mão dos alimentos lácteos, a opção consiste em consumir alimentos com nanico teor ou zero de lactose (leites, queijos, iogurtes) ou fazer uso de suplementação enzimática.



.......................................................................................................................................................................................................

Contacto

Teléfono: (+598) 2359 5478
Fax: (+598) 2354 2052
Correo-e:agrocien@fagro.edu.uy
http://www.fagro.edu.uy/agrociencia/