Comentarios de lectores/as

INTOLERÂNCIA À LACTOSE - Sintomas E Tratamento

Alícia Fernandes (2018-09-23)


alimentos funcionaisIntestino delgado
Capriche em outros alimentos que são fonte de cálcio
Analise esta figura, em que está representada uma população de bactérias
dois fatias médias de tofu
Deficiência primária ou ontogenética
Arroz e cereais em geral
Aditivos alimentares
Leite de lactobacillus

Desejamos discursar que a lactase é a melhor possibilidade para um excelente grupo de pacientes com intolerância a lactose. Cada pessoa, de qualquer idade, que sofra de intolerância à lactose poderá se favorecer com a lactase. Outra forma de aliviar os sintomas da intolerância é ingerir leite com baixa lactose ou que tenha a lactase adicionada ao próprio leite.

Na fermentação, bactérias quebram os açúcares do leite, facilitando a digestão. No entanto essas bactérias cobram um valor: uma boa quantidade das calorias do alimento é consumida por elas. Desta maneira, as pessoas que viviam em um local com pouca oferta de alimento conseguiam ingerir mais calorias se tomassem o leite sem depender fermentá-lo. Quem tivesse acesso a vacas, ovelhas, cabras ou camelos consumia mais energia e se saía melhor que aqueles adultos que não conseguiam digerir esse alimento.

Novamente escrevo só para dialogar o caso acima relatado por mim. Paramos de ceder e percebemos sensacional evolução em somente 2 dias. Gratidão a atenção e Parabenizo pelo site e na tua insistência para nos ajudar em momentos dificies. Fico feliz na sua descoberta. Por isto é que em todas as bulas de medicamentos aparece esta contra-indicação: "hipersensibilidade prévia a cada um de seus componentes ativos ou aos compostos da fórmula". Descobri seu blog e adorei extremamente. Imediatamente o diabetes tipo dois corresponde a 80% dos casos, acomete adultos entre 50 e 80 anos e está conectado ao excedente de peso e aos maus hábitos, como sedentarismo. Desse tipo, a insulina tem problema de agir corretamente e, durante o tempo, o pâncreas a deixar de fornecer o hormônio nos níveis adequados. Irá ao médico e faça exames

Leite tipo A, enzima lactase, fermento lácteo e só! O potinho (170 g) disponibiliza 114 calorias, oito,seis g de carboidrato, 5,6 g de proteína e seis,3 g de gordura. Suave no sabor. Contém 59 calorias, um,três g de carboidrato sete,oito g de proteína e dois,5 g de gordura em dois colheres (sopa). Sem lactose e glúten. A unidade (treze g) tem sessenta e quatro calorias, 6 g de carboidrato, 1 g de proteína e 5 g de gordura. Com estévia e sorbitol.

Frequentemente, as pessoas podem tolerar melhor o leite ou derivados ingerindo-os com alimentos funcionais. O quanto é necessário de modificação da dieta depende de quanto a pessoa pode consumir de lactose sem sintomas. Tendo como exemplo, uma pessoa poderá ter sintomas acentuados após comer um copo menor de leite, durante o tempo que outra pode comer um copo enorme sem sintomas. Outros são capazes de facilmente consumir iogurte e queixos duros por exemplo o cheddar e suíço porém não o leite ou outros derivados do leite. A intolerância à lactose não chega a ser considerada uma doença. Ela é provocada pela inexistência da lactase, enzima responsável pela digestão do açúcar do leite (lactose) e de seus derivados. "Nestes casos, a lactose chega ao cólon (intestino grosso) intacta, se acumulam e são fermentadas pelas bactérias que vivem no recinto, formando ácido lático e alguns gases. A união desse gás e do ácido são os responsáveis pelos sintomas como náuseas, diarreia, inchaço, entre outros", ressalta o profissional.

As bactérias presentes em tuas fórmulas produzem lactase suficiente para a digestão da lactose . Os iogurtes, dessa forma, são outras ótimas opções para as pessoas que não podes contar com o leite no cardápio e não quer abrir mão de seus nutrientes. Vale olhar para preparações à base de leite, como bolos, pudins, cremes e bolachas. O defeito gera uma série de outros, como diarreia, anemia, perda de peso, osteoporose, inchaço, fadiga, aftas e até erupções pela pele que coçam satisfatório (dermatite herpetiforme). Esse quadro aponta que a pessoa é celíaca, ou seja, tem uma doença autoimune que faz o corpo reagir quando entra em contato com o glúten. Laticínios: Os produtos feitos através do leite contêm lactose, tais como iogurte, creme de leite, sorvete, maionese, bebidas (mistas) de leite, creme de queijo, queijos em geral e queijo cottage. Iogurte podes ser uma bacana opção para ingestão de cálcio, uma vez que culturas intestinais ativas metabolizam a lactose, facilitando a digestão. Pães e massas: alimentos ricos em amido (pães, biscoitos, panquecas, bolos e outros idênticos) costumam usar leite em pó ou produtos lácteos pela preparação. Doces: sorvetes e bolos de sorvete, frozen, chocolate ao leite, pudins, cremes e sobremesas que usam leite condensado possuem lactose.

(UFLA/2003) A teoria sintética da evolução se fundamenta fundamentalmente em três processos O primeiro tipo é muito único e acomete crianças logo após o nascimento. O segundo tipo envolve diarreia persistente e é bastante comum em crianças no primeiro ano de vida. O terceiro tipo é o mais contínuo, aparece gradualmente a partir dos 2 anos de idade e acomete diferentes grupos populacionais.



.......................................................................................................................................................................................................

Contacto

Teléfono: (+598) 2359 5478
Fax: (+598) 2354 2052
Correo-e:agrocien@fagro.edu.uy
http://www.fagro.edu.uy/agrociencia/