Comentarios de lectores/as

Dr. Paulo Maciel

Alícia Fernandes (2018-09-13)


Dando sequência a respeito da minha "saga" irei mencionar um pouco sobre as recomendações médicas. O Lactaid é um suplemento alimentar que contém uma grande concentração de Lactase, enzima responsável por degradar o açucar do leite e que todos nós temos ( ou deveríamos ter ) pela flora natural. A baixa concentração desta enzima lactase onde comprar ou a ausência dela ( no meu caso ) origina diferentes graus de intolerância à lactose. Por que muitas pessoas têm intolerância à lactose? Não se sabe exatamente por que muitas pessoas têm intolerância à lactose. O que se sabe é que não é um fenômeno singular: estima-se que afete milhões de adultos só no Brasil, bem que não haja números precisos. Pessoas de ascendência oriental parecem assim como ser mais propensas à intolerância, principalmente pela idade adulta ou na adolescência. A intolerância à lactose não chega a ser considerada uma doença. É custoso que um garoto nasça neste instante intolerante à lactose. Caso isto aconteça, o piá tem diarreia permanente desde que nasce, e não consegue digerir nem ao menos o leite materno nem ao menos fórmulas artificiais à apoio de leite de vaca.

enzima lactase comprarConsidere as afirmativas a acompanhar. As mutações, sendo fonte de variabilidade genética, ocorrem continuamente com a intenção de acertar os indivíduos ao recinto. A migração permite que se defina curso gênico entre populações diferentes, diminuindo as diferenças genéticas entre elas e reduzindo a oportunidade de especiação. A seleção natural não altera a freqüência dos genes. O estabelecimento de uma nova população, a partir de poucos indivíduos que emigram da população original, é um exemplo de princípio ou efeito do fundador. Assim como quem tem intolerância a glúten não pode consumir nada que tenha a substância, as pessoas que sofrem com intolerância a lactose precisam deixar de ingerir produtos à base de leite e derivados e tentar substituí-los. O consumo de doces é o que mais influencia as pessoas, pois a maioria tem adição da proteína do leite e essas iguarias são conhecidas por serem irresistíveis. E o que apresentar dos chocolates?

Divida a ingestão de produtos lácteos em pequenas quantidades durante o dia
Preparações à apoio de leite: bolos, pudins e cremes
quinze - REGULAMENTAÇÕES
um Choco Soy Pops Passas 40g

Ambas promovem transformações restritas que são associadas ao jeito genético. O campo da Nutrição que estuda essa liga é denominado como Nutrigenômica. Esta área permite o estudo, durante o tempo, da influênciada dieta na suporte e frase dos genes, favorecendo condições de saúde e doença. Os pesquisadores costumam relacionar fatos genéticos de indivíduos saudáveis ou doentes, com a sua alimentação regular, pra chegarem a conclusões sobre isto as interferências dos alimentos na frase genética. O discernimento de mecanismos nutrigenômicos e nutrigenéticos são fundamentais pra apreender a variabilidade dos requerimentos nutricionais dos pacientes, em busca de elaborar biomarcadores eficazes para precaver doenças e manter o corpo saudável. É uma área em constante estudo que cada vez mais vem trazendo soluções promissoras e assertivas no tratamento nutricional.

Cólicas abdominais
Divida a ingestão de produtos lácteos em pequenas quantidades ao longo do dia
1 colher de chá de sal marinho
Detém grupos funcionais das funções orgânicas álcool e éter

As características da farinha de trigo são originadas, em grande cota, pelas enzimas presentes no grão nesse cereal. Hoje em dia, essas características são capazes de ser corrigidas ou melhoradas pela adição de enzimas suplementares ao longo do recurso de panificação. Por exemplo, a farinha de trigo contém beta-amilase bastante pra conversão de amido em maltose, no entanto é deficiente em beta-amilose, essa deficiência é corrigida pela suplementação enzimática, e isso vem sendo altamente benéfico pra panificação. Quando suspeitar. A intolerância à lactose tem 4 sintomas principais, explica Camargos. "São principalmente diarreia, náusea (algumas vezes com vômito), cólicas, dores abdominais de forma difusa (principalmente no nanico ventre) e inchaço do abdome. Novas etnias têm maior propensão à situação, como asiáticos, negros, hispânicos e indígenas do continente americano. A dieta com pequeno teor em lactose, ou seja, pouco leite, elimina os sintomas dos pacientes. A dieta sem lactose é a regra para as pessoas que não produz nenhuma quantidade da enzima. Contudo, o leite e outros produtos lácteos sem lactose estão disponíveis no mercado. No caso de uma intolerância primária, o consumo de até 240 mL de leite é normalmente bem tolerado.

Indivíduos que em determinado momento da existência passam a ingerir uma quantidade mais elevada de lactose ( ex: pessoas com osteoporose ) conseguem vir a montar a intolerância ao leite e seus derivados devido à elaboração insuficiente de lactase. Como é diagnosticada a intolerância à Lactose? Teste de intolerância à lactose ( TTL ): mede a know-how que o cidadão precisa de digerir a lactose. O que é a Lactase? A Lactase é uma enzima responsável pela hidrólise da lactose. A molécula da lactose é demasiado complexa pra transpor a parede do intestino; tem que sofrer a ação da enzima Lactase, para ser decomposta em glicose e galactose. Na deficiência da Lactase, a lactose não digerida passa ao intestino grosso, originando diarréia fermentativa e outros transtornos digestivos.



.......................................................................................................................................................................................................

Contacto

Teléfono: (+598) 2359 5478
Fax: (+598) 2354 2052
Correo-e:agrocien@fagro.edu.uy
http://www.fagro.edu.uy/agrociencia/