Comentarios de lectores/as

Enzimas, Proteínas, Função, Tipos, O Que São Enzimas

Pedro Benício Martins (2018-09-11)

En respuesta a Comunidade Virtual Doenças Inflamatórias Intestinais (DII)

alimentos funcionaisPor que isto ocorre? A lactose é um açúcar achado no leite, produzido nas glândulas mamárias dos mamíferos. A pessoa intolerante à lactose não produz (ou produz pouco) a lactase, uma enzima digestiva que quebra a lactose. Assim, a lactose chega inteira ao intestino grosso e sofre fermentação por bactérias, o que gera gases e ácido lático, que, por tua vez, estimularão a retenção de água causando cólicas intestinais e diarreias. O intestino grosso em ceco, cólon ascendente, cólon transverso, cólon descendente e reto. Alguns órgãos são anexos ao sistema digestório. São eles: glândulas salivares, pâncreas, fígado e vesícula biliar. A digestão envolve fenômenos físicos e químicos. Os físicos são: mastigação, deglutição, peristaltismo e ação da bile. Os químicos são aqueles que envolvem ação enzimática.

Pra tirar a lactose do leite e de outros alimentos é preciso juntar ao leite um produto específico que se compra na farmácia chamado lactase. A intolerância à lactose é no momento em que o organismo não consegue digerir a lactose presente no leite, causando sintomas como cólica abdominal, gases e diarreias, suplementos alimentares que surgem momentos ou horas depois da ingestão do leite ou de produtos que contenham leite. Saiba Como saber se é intolerância à lactose. A pessoa necessita escoltar a indicação do rótulo do objeto comprado na farmácia, entretanto geralmente são necessárias só algumas gotas para cada litro de leite.

Poder ser, ainda, que aconteça propriamente o oposto, com contrações intestinais mais fracas que o normal, o que retarda a passagem de alimentos e leva a fezes mais endurecidas. A maioria das pessoas com síndrome do intestino irritável notam que, durante momentos de estresse, os sintomas da doença costumam se agravar. O teste é usado na investigação da deficiência de lactase nos enterócitos, que produz diarréia osmótica na ingestão de lactose. Baixa concentração de glicose, após a administração de lactose, sugere deficiência da lactase. A deficiência idiopática é mais comum em adultos negros e orientais, e em em torno de dez por cento dos caucasianos adultos. Deficiência secundária podes desenrolar-se em pacientes com enterite infecciosa, doenças imunes, doenças intestinais inflamatórias, entre outras.

Apesar de desejar de cozinhar, Jaqueline Furlaneto Neves teve de aprender receitas que não possuem leite, soja, ovo e corante. "Na escola, meus filhos tiveram muita contrariedade para a pergunta da inclusão por causa de eles tinham que ingerir separados de novas crianças. Isto os afetou psicologicamente e, no início, foi bem difícil", conta. Segundo o nutricionista de Ribeirão Pires Gustavo Luiz, o adulto tem outras formas de encontrar os mesmos nutrientes que existem no leite. "Cálcio, tais como, existe em todos os vegetais e carnes", pontua. Mas, hoje o leite está presente na constituição de enorme fração dos alimentos, desde bolachas e bolos até os mais óbvios, como sorvetes, chocolates e milkshakes. Alguns intolerantes à lactose podem comer um pedaço de pizza de mussarela sem perceber nenhuma variação em seu corpo humano, enquanto outros podem passar mal com somente uma fatia de queijo no meio do lanche.

A intensidade dos sintomas varia segundo a ocasião, todavia eles costumam ser amenos. Caso perceba os sintomas acima e suspeite que eles estejam ligados à ingestão de lactose, procure um médico e explique a circunstância. A consulta costuma ser rápida, assim sendo é relevante que você agilize e leve os seus sintomas anotados, para descrevê-los ao médico. Como as enzimas agem? Elas controlam algumas funções vitais incluindo os processos metabólicos que convertem nutrientes em energia e em novos equipamentos pras células, e também acelerar a reação dos processos bioquímicos, convertendo-os mais eficientes. As enzimas conectam-se às substâncias reagentes e enfraquecem certas ligações químicas, de forma que menos energia (de ativação) é necessária pra que as reações ocorram. Se as enzimas estivessem ausentes, as reações químicas seriam lentas além da medida para conceder suporte à vida. Uma mesa farta de café da manhã com pão de queijo, iogurte e leite com café poderá ter sentido de, pra alguns, só uma maneira de começar o dia. Pra outros, o cardápio, que é aparentemente comum e inofensivo, resulta em grandes desconfortos nas horas que se seguirão. Náusea, vômito, dores abdominais, gases e diarreias após ingerir leite e seus derivados são alguns dos sintomas de quem sofre com intolerância à lactose. A deficiência da enzima lactase é o que faz o organismo ser incapaz de digerir o açúcar localizado no leite, a lactose. "É normal que o organismo irá parando de fornecer a enzima ao longo da existência, isto visto que o leite deixa de ser interessante para o organismo." Ainda de acordo com a médica, o leite é preciso na infância. "Somos os únicos mamíferos que continuam a beber leite depois de crescer", complementa.

Respuestas

Anvisa Define Regras Pra Rotulagem De Alimentos Com Lactose

Pedro Benício Martins (2018-09-23)

Existem compostos de suporte semelhante ao substrato de uma enzima que, ao se unirem ao centro ágil desta, impedem que ela desenvolva tua ação catalítica de maneira irreversível ou reversível... Leer más



.......................................................................................................................................................................................................

Contacto

Teléfono: (+598) 2359 5478
Fax: (+598) 2354 2052
Correo-e:agrocien@fagro.edu.uy
http://www.fagro.edu.uy/agrociencia/