Comentarios de lectores/as

Comunidade Virtual Doenças Inflamatórias Intestinais (DII)

Alícia Fernandes (2018-08-22)


alimentos funcionaisTéo CRPA. Intolerância à lactose: uma breve revisão para o cuidado nutricional . Arq ciências saúde UNIPAR. Swagerty Jr DL, Walling AD, Klein RM. Beyer PL. Terapia nutricional para distúrbios do trato gastrointestinal inferior. Krause: alimentos, nutrição Silva, CP da. Alergia a proteína do leite de vaca em crianças: repercussão da dieta de exclusão e dieta substitutiva a respeito do estado nutricional. A insulina, liberada pelo pâncreas, estimula a quebra de glicogênio do fígado pra disponibilizar mais energia ao corpo. Os estrógenos, liberados pelos testículos, estimulam o tônus muscular e o poder de reação pela hora da largada. 08. (IFSUL) Abaixo estão listados alguns hormônios produzidos no corpo humano e o nome de alguns órgãos. Que possibilidade dá a associação correta entre os hormônios e seus órgãos de origem? Os efeitos são capazes de ser desencadeados por pequenas quantidades do alimento e incluem enxaqueca, tremores, sudorese e palpitações, que são capazes de ser alarmantes. Além da amina algumas substâncias causadoras de sintomas e que são chamadas de "mediadoras" (tiramina, serotonina, dopamina, etc.), imediatamente existem nos alimentos ingeridos e desencadeiam respostas fisiológicas. • Efeitos irritantes. Alimentos como o curry são capazes de irritar o intestino.

30 de abril de 2012 às um:07
No momento em que os sintomas começaram
Quais são os sintomas
Corina Fabri Fernandes comentou
Perder o pavor da gordura natural dos alimentos (entretanto não a consciência, ok?)

Conversando com um médico nutricionista pode ser proveitoso no planejamento de uma dieta balanceada que oferece uma quantidade adequada de nutrientes - incluindo cálcio e vitamina D - e minimiza o incômodo. Um profissional da saúde poderá indicar se o cálcio e outros suplementos dietéticos são necessários. Que outros produtos contém lactose? Nos últimos dias eu tirei uma folguinha e fui passear um pouco na serra gaúcha, basicamente Gramado, Canela e Bento Gonçalves. Neste instante tinha ido à Gramado duas vezes, com meus pais lá em 1900 e guaraná com rolha, no momento em que eu tinha uns 12 anos, e há uns 4 anos com meu namorado. Mas como nem ao menos tudo são flores, dessa vez eu fui viajar pela seguinte circunstância: com restrição de lactose, de glúten e ainda passando mal com uma certa regularidade mesmo sem consumir nenhum dos dois.

Era um jantar e a lactose estava presente no prato principal (risotos com queijo) e na sobremesa (fundue de chocolate com frutas). No entanto, o pai da minha amiga tem Intolerância à Lactose há anos e desse modo tem um estoque considerável de lactase em casa. Como a minha amiga prontamente havia comentado com ele, ganhei 2 comprimidos de lactase pra tomar antes do jantar. Comi o jantar, o fundue e até o bolo de aniversário sem atravessar mal. As calorias acessíveis nesses alimentos só puderam ser aproveitadas pelo motivo de no genoma humano surgiram múltiplas cópias do gene AMY1, responsável pela criação de amilase pela saliva, enzima essencial pra digestão dos açúcares. Outro exemplo é o gene LCT, causador da elaboração da lactase, enzima encarregada da digestão da lactose, o açúcar do leite que os mamíferos digerem bem apenas pela infância. Mutações no genoma humano ocorridas há 9 1 mil anos, produziram versões de LCT que tornaram possível a digestão de leite assim como na vida adulta, ampliando as perspectivas de sobrevivência em tempos de penúria. Caranguejo, lagosta e camarão conseguem excitar reações enérgicas de alergia. Pela China, como por exemplo, situações alérgicas pela ingestão de camarão são as mais comuns. A reação alérgica a tomate está normalmente associada ao uso bastante constante deste alimento na dieta. Pessoas alérgicas a frutas cítricas podem facilmente expor carência de vitamina C. Nesse caso, é necessário recorrer a uma referência suplementar dessa vitamina. A sensibilidade a esses alérgenos é com facilidade identificada.

suplementos alimentaresOs estudos com aditivos alimentares ao longo da amamentação ainda são escassos. No entanto sabe-se que corante artificial tartrazina (FD&C), sulfitos e glutamato monossódico são causadores de reações alérgicas. A tartrazina pode ser encontrada em produtos industrializados como sucos, gelatinas e balas enquanto o glutamato monossódico poderá estar presente nos produtos salgados como temperos industrializados. Prontamente os sulfitos são usados como preservativos em alimentos como frutas desidratadas, vinhos e sucos industrializados. As enzimas da saliva, suco gástrico e pancreático diminuem e são raras. Ao longo do jejum, as enzimas do corpo humano estão livres para o trabalho de reparação e remoção de tecidos doentes. "Disse. Nos países considerados civilizados comem-se tamanhas quantidades de comida cozida que o sistema enzimático fica ocupado somente a digerir comida. Soma-se a isso a desarrumação que existe entre as alergias e as intolerâncias alimentares. As alergias imediatas são mais fáceis de serem descobertas já que aparecem nos exames laboratoriais. Além do mais, os sintomas são intensos e surgem logo após o contato com o alimento que as provocou, no entanto, são a minoria dos casos de alergia.



.......................................................................................................................................................................................................

Contacto

Teléfono: (+598) 2359 5478
Fax: (+598) 2354 2052
Correo-e:agrocien@fagro.edu.uy
http://www.fagro.edu.uy/agrociencia/