Comentarios de lectores/as

Dieta Humana Nos últimos vinte Mil Anos Trouxe Grandes Modificações Físicas

Alícia Fernandes (2018-08-03)


Isso visto que alguns menores possuem intolerância à lactose ou APLV (Alergia à Proteína do Leite de Vaca) e as opções de Ovos de chocolate sem leite ou lactose são menos frequentes que as usuais no comércio alimentício. A partir dessa deficiência, os menores que possuem restrição ao leite e à lactose não conseguem deliciar-se com todas as opções de ovos de chocolate que exercem sucesso nas prateleiras dos mercados.

alimentos funcionaisVocê neste momento deve ter visto nos supermercados vários produtos sem lactose, porém você sabe o que é essa substância? A lactose é um tipo de açúcar natural do leite, que também está presente nos seus derivados, como iogurtes e queijos. Mas a lactose faz mal ao corpo humano ? O TudoGostoso te explica! A lactose faz mal? Não. A lactose só faz mal para que pessoas tem intolerância à substância , uma situação na qual o corpo é incapaz de digerir o açúcar do leite. Não confunda intolerância à lactose com alergia ao leite ! A alergia é quando o sistema imunológico tem uma reação adversa às proteínas do leite. As células de defesa combatem a presença das proteínas, em razão de as confundem com invasores, e isso causa reações alérgicas: coceira, manchas, tosse, ausência de ar, diarreia e até reações mais graves. A intolerância é um distúrbio digestivo, relativo com a inexistência ou redução da realização da lactase, a enzima que digere a lactose. Não, a lactose não é retirada para fazer os produtos sem lactose !

A intensidade dos sintomas varia de acordo com a ocasião, entretanto eles costumam ser amenos. Caso perceba os sintomas acima e suspeite que eles estejam ligados à ingestão de lactose, procure um médico e explique a circunstância. A consulta costuma ser rápida, assim sendo é respeitável que você agilize e suave os seus sintomas anotados, pra descrevê-los ao médico. Como as enzimas agem? Elas controlam inúmeras funções vitais incluindo os processos metabólicos que convertem nutrientes em energia e em novos instrumentos pra células, além de acelerar a reação dos processos bioquímicos, tornando-os mais garantidos. As enzimas se conectam às substâncias reagentes e enfraquecem certas ligações químicas, de forma que menos energia (de ativação) é necessária pra que as reações ocorram. Se as enzimas estivessem ausentes, as reações químicas seriam lentas demasiado pra oferecer suporte à vida. Uma mesa farta de café da manhã com pão de queijo, iogurte e leite com café pode ter sentido de, pra alguns, apenas uma forma de começar o dia. Para outros, o cardápio, que é aparentemente comum e inocente, resulta em grandes desconfortos nas horas que se seguirão. Náusea, vômito, dores abdominais, gases e diarreias depois de comer leite e seus derivados são alguns dos sintomas de quem sofre com intolerância à lactose. A deficiência da enzima lactase é o que faz o organismo ser incapaz de digerir o açúcar achado no leite, a lactose. "É normal que o corpo humano irá parando de fornecer a enzima no decorrer da vida, isso em razão de o leite deixa de ser relevante pro organismo." Ainda segundo a médica, o leite é necessário pela infância. "Somos os únicos mamíferos que continuam a ingerir leite após crescer", adiciona.

Dica compartilhada por Natalia Dourado. "A assistência de uma nutricionista para a possibilidade desses alimentos funcionais na fase inicial de adaptação é de extrema relevância. Outra dica é se olhar a toda a hora aos rótulos dos alimentos, para assegurar que não haja nenhum ingrediente que os intolerantes não possam ingerir", fala. Apesar do problema inicial, Renata Martins, mãe de Maria Eduarda, diz que quando começou a treinar receitas em moradia e a pesquisar novos fornecedores, tudo ficou muito mais fácil. E no momento em que sai pra jantar fora, ela sempre leva algo feito em casa para a refeição da filha. Convivendo com a lactose - Felizmente, a intolerância a lactose é simples de ser contornada. Apesar de não existir métodos de aumentar a criação de lactase pelo organismo, uma dieta poderá controlar o defeito. Segundo Kimielle, muitos adolescentes e adultos não necessitam abrir mão completamente do consumo de alimentos com lactose. "As pessoas diferem nas quantidades de lactose que podem ingerir. Alguns são capazes de tomar um copo de leite sem dificuldades, porém não conseguem tomar dois. Outros são capazes de ingerir queijos curados, todavia não conseguem consumir queijos frescos. O controle da dieta pras pessoas intolerantes depende de se testar os limites que qualquer um suporta. Um dos maiores dificuldades para que pessoas tem intolerância, pontualmente por não evitarem o consumo leite e seus derivados, é ter o consumo de cálcio comprometido.

A Galactosemia pode ser descrita como uma concentração sanguínea elevada do monossacarídeo galactose (aldohexose, epímera da glicose em C-4), devido a uma desarrumação no metabolismo causada por atividade enzimática deficiente ou função hepática prejudicada. Os seres humanos obtêm a galactose primariamente a partir do leite humano e bovino e de derivados lácteos, pela hidrólise da lactose, dissacarídeo que é composto por glicose e galactose unidas por ligação β-glicosídica. Galactose livre bem como está presente em várias frutas e vegetais, como tomates, bananas e maçãs. A digestão da lactose se apresenta através da enzima intestinal lactase, que a quebra nos dois monossacarídeos que a constituem.



.......................................................................................................................................................................................................

Contacto

Teléfono: (+598) 2359 5478
Fax: (+598) 2354 2052
Correo-e:agrocien@fagro.edu.uy
http://www.fagro.edu.uy/agrociencia/