Comentarios de lectores/as

Como Fazer Uma Dieta Sem Lactose

Pedro Benício Martins (2018-07-11)


As características da farinha de trigo são originadas, em extenso divisão, pelas enzimas presentes no grão desse cereal. Nos dias de hoje, essas características conseguem ser corrigidas ou melhoradas na adição de enzimas suplementares ao longo do procedimento de panificação. Tendo como exemplo, a farinha de trigo contém beta-amilase bastante para a conversão de amido em maltose, todavia é deficiente em beta-amilose, essa deficiência é corrigida na suplementação enzimática, e isto vem sendo altamente benéfico para a panificação. No momento em que suspeitar. A intolerância à lactose tem 4 sintomas principais, explica Camargos. "São principalmente diarreia, náusea (algumas vezes com vômito), cólicas, dores abdominais de forma difusa (principalmente no miúdo ventre) e inchaço do abdome. Outras etnias têm superior propensão à condição, como asiáticos, negros, hispânicos e indígenas do continente americano. A dieta com baixo teor em lactose, ou melhor, insuficiente leite, elimina os sintomas dos pacientes. A dieta sem lactose é o regulamento para as pessoas que não produz nenhuma quantidade da enzima. Contudo, o leite e outros produtos lácteos sem lactose estão acessíveis no mercado. No caso de uma intolerância primária, o consumo de até 240 mL de leite é normalmente bem tolerado.

suplementos alimentaresNormalmente ocorre no decorrer da existência em estabelecidos grupos étnicos e tem uma razão genética. As pessoas estão percebendo como essa ingestão de leite e intolerância faz realizar-se sintomas ainda mais. Mais de setenta por cento da população mundial sofre desta intolerância. No momento em que há um traço primário / genético, não há cura possível por causa de o sujeito não se recuperar a enzima e os sintomas são aliviados apenas na suspensão de produtos lácteos na dieta. A intolerância à lactose não é perigosa e é muito comum em adultos, a maioria dos quais chegam a 20 anos de idade e ai sim apresentam qualquer grau de intolerância.

Esses casos são sobretudo frequentes entre asiáticos e habitantes do leste africano. Pra digerir a lactose existente no leite, o organismo depende da presença de uma enzima, a lactase, sob a ação da qual a lactose é quebrada em açúcares de moléculas menores. Durante a fase de amamentação, todos os bebês produzem lactase em quantidades adequadas, experiência que será perdida pelos que se tornarão intolerantes ao leite no futuro. Quem está entre vinte e cinco e trinta é visto como acima do peso. Já aqueles que ultrapassam os 30 são os obesos. Não obstante, há quem defenda que essa capacidade é antiga e imprecisa - não leva em conta, por exemplo, percentual de gordura no corpo humano - e não é sempre que um miúdo IMC significa estar livre de dificuldades de saúde.

Na deficiência da lactase, a lactose não absorvida sofre fermentação na flora bacteriana presente pela luminosidade intestinal. A fermentação da lactose maneira o gás hidrogênio, que se espalha pela corrente sanguínea e posteriormente, nos alvéolos, podendo ser detectado pelo ar expirado. Por isso, as crianças com intolerância à lactose apresentam concentrações mais elevadas de hidrogênio no ar expirado depois de ingestão de lactose, permitindo o diagnóstico pelo teste do hidrogênio expirado. A concentração de hidrogênio expirado podes ser com facilidade mensurada com a utilização de um instrumento manual de teste respiratório.

Os sintomas da intolerante à lactose são pouco específicos e conseguem processar-se numa abundância de doenças gastrointestinais, principalmente nas gastroenterites agudas. Se você se constatar mal depois de beber um copo de leite uma vez, não necessariamente você tem intolerância à lactose. Mas, se você se sentir mal toda vez que bebe leite (ou cada laticínio) a intolerância à lactose necessita ser suspeitada.

Não há tratamento pra aumentar a prática de fornecer preço lactase, contudo os sintomas são capazes de ser controlados por intervenção de dieta e medicamentos. O leite e seus derivados são cheios de proteínas, vitaminas e a principal fonte de cálcio da alimentação, nutriente fundamental - junto com a vitamina D - pra formação e a manutenção da massa óssea. Tomar de 2 a 3 copos de leite por dia favorece pra um adulto atingir tuas recomendações de cálcio. O iogurte também pode ser uma opção pra proporcionar este fornecimento. Crianças, adolescentes, grávidas e idosos necessitam consumir mais leite e derivados que as demais pessoas.
27 de julho de 2011 às 18:48
12 de abril de 2012 às dezessete:59
Observe os sintomas de intolerância à lactose
4 bebidas que substituem o leite de vaca
Dores abdominais
(Escola Federal do ABC)
três dentes de alho amassados
Consumir em excesso alimentos que contenham glúten pode conduzir a inflamações no intestino

A intolerância à lactose é contrário de tem alergia ao leite. A alergia é uma reação imunológica às proteínas do leite e não do açúcar. "Como é um quadro alérgico, as manifestações conseguem acontecer no intestino, na pele e até no sistema respiratório com sintomas como tosse, chiados e bronquite", explica a nutróloga Dra Andreia Guarnieri. Estes exames de Nutrigenômica foram aprovados pela Nação Médica, aumentando a sua confiabilidade e trazendo respaldo pra seu emprego clínico", observa o nutrólogo Maximo Asinelli. Entre as vantagens dos testes genéticos é a confirmação das suspeitas clínicas, a precisão e a rapidez do diagnóstico, a eficiência do tratamento e a percepção sistêmica de tudo o que ocorre no corpo.

Respuestas

Dr. Paulo Maciel

Pedro Benício Martins (2018-07-30)

Muco nas fezes Estes exames conseguem ser solicitados pelo clínico geral ou alergologista em caso de suspeita de intolerância à lactose ou quando o teste da exclusão alimentar deixa algumas... Leer más

Intolerância à Lactose Diário Da Localidade

Pedro Benício Martins (2018-08-30)

comprar enzima lactaseAté com medicamentos é necessário cautela. A indústria farmacêutica utiliza com freqüência a lactose na composição de medicamentos. Mas, ao cortar com rigor o consumo de produtos lácteos... Leer más



.......................................................................................................................................................................................................

Contacto

Teléfono: (+598) 2359 5478
Fax: (+598) 2354 2052
Correo-e:agrocien@fagro.edu.uy
http://www.fagro.edu.uy/agrociencia/