Comentarios de lectores/as

Recomenda-se A Monitorização Da Função Hepática

Alícia Fernandes (2018-07-11)


lactase em capsulasÉ importante não confundir a intolerância à lactose com outras doenças ou disfunções que conseguem causar quadro idêntico. Para as pessoas que estiver com suspeita de intolerância à lactose e quiser fazer um teste em casa, basta afastar da alimentação os leites e derivados durante uma semana. Se o desconforto sumir, poderá estar aí o porquê.

Esse efeito é confirmado por um médico depois de entrevista com o paciente. É possível que o profissional de saúde prescreva um teste que se consiste em evitar produtos lácteos durante duas semanas, com ingestão depois de esse tempo. Se os sinais retornarem, é provável que possa ser deficiência de lactase. Na atualidade o teste do hidrogênio expirado, teste de lactose de carbono-13, endoscopia, biópsia, exames de sangue, fezes e respiração também são técnicas usadas em hospitais para diagnosticar a intolerância à lactose. A maior complicação é a perda de água em consequência a diarreia e esta poderá ser fatal, em especial pra crianças pequenas. Como o leite e produtos lácteos fornecem uma extenso quantidade de proteína e cálcio, pessoas que se privam estão expostas às consequências da hipocalcemia, como retardo do avanço e osteoporose. Os sintomas da intolerância à lactose se concentram no sistema digestório e melhoram com a interrupção do consumo de produtos lácteos. Eles costumam aparecer minutos ou horas após a ingestão de leite in natura, de seus derivados (queijos, manteiga, creme de leite, leite condensado, requeijão, etc.) ou de alimentos que contêm leite na sua constituição (sorvetes, cremes, mingaus, pudins, bolos, etc.).

No momento em que os alimentos cujo consumo tem que ser diminuído estão ligados a várias de nossas memórias afetivas, desde as mais remotas, a resistência fica ainda maior. Soma-se a isto a dificuldade natural para se aceitar alguma coisa novo ou uma avaliação distinto da nossa. Se digo em um grupo que não como glúten, leite, aditivos químicos ou açúcar parece que estou ofendendo as pessoas que estão nele, suas famílias, sua cultura e teu Nação. É preciso ter muita firmeza e entendimento pra me manter no que acredito e, pra isso, de novo, é necessário ter muita detalhes. Efetivamente é preciso se empenhar pra restringir a quantidade destes alimentos da rotina alimentar.

A declaração da presença de lactose será obrigatória nos alimentos com mais de cem miligramas (mg) de lactose pra cada 100 gramas ou mililitros do item. Ou melhor, cada alimento que contenha lactose em quantidade acima de 0,1 por cento terá que transportar a expressão "Contém lactose" em teu rótulo. O limite de 100 mg foi acordado com base pela experiência de outros países que de imediato adotam esta regulação há longo tempo, como Alemanha e Hungria. Este limite tem se mostrado seguro pras pessoas com intolerância à lactose. A Anvisa ainda considerou a vivência de laboratórios de controle de qualidade que possuam experiência de reconhecer a suplementos alimentares lactose em tais níveis. Em até 24 meses todos os alimentos disponíveis no mercado deverão responder a nova especificação. Esse tempo foi instituído com base no tempo que a indústria e seus fornecedores necessitam para adequação e assim como pra esgotarem os estoques hoje em dia existentes.

A água não é removida da matéria fecal e na maioria dos casos isto ocasiona a diarreia. A intolerância à lactose é em enorme fração definida geneticamente. Congênita - esta é a razão principal, onde sua constituição genética faz com que você tenha menos lactase do que o usual. Gastroenterite - isso poderá tirar lactase dos intestinos por outras semanas. O especialista ressalta que existe diferença entre intolerância alimentar e alergia, que é uma reação imunológica descontrolada do corpo humano a alguma substância. Para as pessoas que tem intolerância à lactose e faz pergunta de prosseguir consumindo derivados do leite, Barbuti explica que existem no mercado comprimidos de lactase. No Brasil, a lactase é encontrada só nas farmácias de manipulação, porque, segundo a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa), a enzima lactase é um medicamento de origem biológica. Em outros países, mas, a enzima é considerada alimento e tem venda liberada em farmácias e supermercados. Segundo o projeto, as indústrias terão tempo de um ano, a partir da publicação da norma, para apagar a substância. O autor da proposta lembra que é comum localizar alimentos pra crianças com seis corantes artificiais diferentes, apesar de a quantidade máxima ser 3. "Uma criancinha pode consumir, em um único dia, biscoitos recheados, iogurtes, refrigerantes e gelatina. Se cada produto constatar o limite de corantes, essa criancinha consumirá 5 vezes os valores recomendados, o que obviamente a colocará em circunstância de risco", admite o deputado. Os outros são para "Alergia alimentar".

Este modo natural é denominado de deficiência primária. Pela deficiência secundária, doenças e remédios são responsáveis por lesionar o intestino e afetar a produção de lactase. Afinal, temos a deficiência congênita, que é ocasionada por uma mudança no gene que codifica a lactase. Para reduzir os problemas desencadeados na intolerância à lactose, a recomendação principal é que seja feita a ingestão de produtos sem leite e derivados. Conseguem ser consumidos ainda alguns tipos de produtos que apresentam uma quantidade de lactose reduzida. A ingestão de lactase em cápsulas também podes ser uma possibilidade para pacientes com esse problema. Um leite normal tem, em média, 4,oito por cento de lactose. Por sua vez, um leite, após ir pelo procedimento de hidrólise, tem um por cento de lactose. A lactose não é retirada do leite, e sim quebrada. "Podemos relatar que a indústria faz o procedimento que o corpo não consegue fazer", explica Marcelo. A partir dos 3 anos de idade, quando outros alimentos entram com tudo no cardápio, o corpo percebe a transformação de padrão. Ora, se existe menos lactose no pedaço, pra que fornecer tanta lactase? A redução no suprimento é, por isso, normal, contudo, pra novas pessoas, isso acontece de forma acentuada. Daí que o organismo fica despreparado pra receber goles de leite e afins. Ainda há uma terceira razão, esta indireta, de intolerância: quando infecções ou um procedimento inflamatório da pesada arrasam as células do intestino que geram a lactase. Se o tratamento entrar em cena a tempo, dá pra reverter a situação.



.......................................................................................................................................................................................................

Contacto

Teléfono: (+598) 2359 5478
Fax: (+598) 2354 2052
Correo-e:agrocien@fagro.edu.uy
http://www.fagro.edu.uy/agrociencia/