Comentarios de lectores/as

Swiss Move Como Escolher Sua Mala De Viagem?

Mariana Jesus (2018-06-30)


sapato mocassimPode parecer bobo tanta preocupação para escolher uma simples mala. Mas se você viaja com frequência ou é do tipo de pessoa que não gosta de acumular coisas inúteis em casa, comprar a mala ideal é um investimento. Ainda mais se seu orçamento está um pouco apertado.

Quer seja apanhado por uma monsão indiana ou por um aguaceiro, uma bagagem impermeável é sempre útil. melhor material é nylon balístico ou nylon Cordura com calafetagem impermeável. A maioria das malas não é impermeabilizada por fora, mas sim revestida por dentro com um calafetante impermeável. Verifique a etiqueta da bagagem ou pergunte ao vendedor sobre a forma de impermeabilização da bagagem. Se precisar de protecção especial para acampar, para fazer rafting ou em outro tipo de expedições, adquira a sua bagagem numa loja especializada em equipamentos mais fortes.

Realmente, as malas com zíper costumam quebrar bastante, mas ainda são mais acessíveis, sem perder tanto na qualidade. que você deve priorizar é sistema de segurança oferecido. As mais seguras são as que têm cadeados embutidos. Mas existem ainda aquelas que vêm com cadeados com senhas, e as mais tradicionais, com chaves.

Os dois modelos apresentam cadeado TSA incorporado à mala. Estes cadeados fazem parte do programa da Agência de Segurança de Transporte dos Estados Unidos que, junto com 7 empresas, desenvolveu cadeados e fechaduras que possam ser abertos pelos oficiais de segurança em alfândegas e aeroportos com uso de uma chave mestra universal, sem danificar as malas. É cadeado recomendável para qualquer viagem e já vem embutidos nas malas.

Embora um bom cadeado não seja a garantia de que sua bagagem chegará intacta, ele é capaz de aumentar significativamente suas chances. Um bom cadeado permite que você possa viajar tranquilamente, adicionando itens de valor à sua bagagem com um risco bastante reduzido.

Este tipo de cadeado oferece um acesso à chave mestra que TSA possui, que permite que abram seu cadeado sem nenhum dano para fazer vistorias. Neste caso, os inspetores deixam uma nota junto à sua bagagem informando à vistoria, e fecham cadeado novamente, sem que você precise ter nenhum tipo de preocupação.

As tradicionais malas de mão não saem de moda e são ótimas para manter tudo arrumado e direitinho lá dentro. Mas se não é adepta de andar com as mãos ocupadas, melhor é apostar numa mochila de couro masculina ou numa mala de viagem com umas alças grandes, de modo a conseguir colocá-la ao ombro. Assim ficará com as mãos livres para comer ou até tirar fotografias e publicá-las nas redes sociais.

Tamanho varia muito. Se você viaja levando consigo praticamente uma casa inteira, a mala tem que ser de porão e extra-grande - mas esse é um hábito que nós não indica e quase implora pra vocês não adquiram :-). Voltando à questão da praticidade, mala boa é mala pequena, leve e com pouca coisa. É só uma viagem - você não precisa de tudo que existe dentro do seu guarda-roupa (e além de não precisar, não terá tempo pra usar nem metade das coisas).

"Muitas pessoas compram malas grandes com a ideia de levar só uma bagagem, porém, pode ficar complicado transportar tanto peso. É ruim até para tirar da esteira de bagagem do aeroporto", diz a personal organizer Jane Melo, que sugere dividir peso entre duas bagagens, quando há muitas coisas para levar. Já os modelos pequenos podem ser usados em viagens de fim de semana, com a vantagem de que, dependendo do peso da sua bagagem, não precisam ser despachados.

Achei essa postagem muito útil, com dicas relevantes, não interpretei de outra forma a não ser ajudar leitor, afinal eu mesma também postei em meu blog dois textos referente a organização da mala na semana passada, até porque é muito mais prático viajar apenas com a mala de mão. A verdade é que eu apoio totalmente levar menos bagagem, eu e meu esposo já ficamos quase um mês na Europa levando apenas uma mala de mão cada, fizemos compras e trouxemos presentes sem precisar despachar outra mala, apenas trouxemos uma mochila para que não coube na mala. Tal como Helder Jean, lavamos algumas peças e também usamos essas toalhas esportivas que a Samantha Zarth citou, são ótimas. Bem, acredito que brasileiro precisa se acostumar a viver apenas com necessário, pois viajar é desapegar, é sair da zona de conforto. Esperamos que as passagens fiquem mais baratas sim, e que viajar seja menos complicado e mais acessível.

Com a roda 360º, você não precisa puxá-la, ela simplesmente vai te acompanhar. Com as rodas fixas, além de você ficar muito mais cansada, não consegue andar na mesma velocidade que andaria sem a mala e subir uma simples rampa se transforma em uma missão bem mais complicada.

Para voos em empresas internacionais, os critérios podem ser mais ou menos rígidos. A TAP , por exemplo, determina 8kg, com 115cm. Já a Air Europa aceita até 10kg para a classe turística, não tratando do tamanho. Como possivelmente a pessoa deseja ter apenas uma mala de bordo, que sirva para viagens nacionais e internacionais, os meus critérios de exclusão foram: Peso, dimensão e comodidade.



.......................................................................................................................................................................................................

Contacto

Teléfono: (+598) 2359 5478
Fax: (+598) 2354 2052
Correo-e:agrocien@fagro.edu.uy
http://www.fagro.edu.uy/agrociencia/