Comentarios de lectores/as

Aromas Do Verão

"João João Lopes" (2018-06-03)


alimentos funcionaisO óleo de melaleuca contém quantidades variáveis de um,oito-cineol, irritante da pele que pode causar reações alérgicas em novas pessoas. As erupções são geralmente leves e pruriginosas, no entanto podem agravar-se. Reações alérgicas graves são capazes de bem como transcorrer. Existem novas instâncias relatadas de tontura e inchaço pela garganta. NÃO engula ou ingira o óleo de melaleuca. Ele poderá causar graves reações, como erupções, anormalidade nas células sanguíneas, diarreia, náusea, dores de estômago, vômito, sonolência, alucinações e ataxia (perda de controle muscular nos braços e pernas). O óleo de melaleuca podes também ser tóxico a animais domésticos se consumido. Toxicologistas veterinários concluíram que grandes quantidades de óleo de melaleuca não diluído aplicado pela pele de gatos e cachorros causaram reação de hipersensibilidade (alérgica).

Outro destaque será a estreia de uma linha Super Premium. Acompanhando os avanços em nutrição pra pets, a Supra mostra a nova Família Astro Premium Especial. Além de fortalecer a estreia dos produtos Biofresh, primeiro alimento Super Premium produzido no Brasil com alta inclusão de ingredientes frescos e sem conservantes artificiais, a empresa oferece seus novos lançamentos das linhas Premium Especial e Premium. Com uma nova fórmula e algumas embalagens, as linhas Three Dogs e Three Cats foram elevados à ordem Premium Especial, são alimentos funcionais modernos, de altíssima qualidade, que incluem carne fresca, contudo, de imediato sem corantes e sem aromatizantes artificiais. Devido à tua inteligência de matar parasitas e infecções fúngicas, o óleo dmelaleuca (tea tree) é uma fantástica opção para usar em fungo de unha, pé de atleta e micose. Coloque o óleo de melaleuca não diluído na área afetada utilizando um cotonete limpo. E para fungos teimosos, considere misturá-lo com óleo anti-fungico natural de orégano. É produtivo no tratamento de caspa, eliminando os acúmulos de agentes no couro cabeludo, deixando limpo e livre para o crescimento de novos fios. Higiene capilar: 1º. Passo: higienização básica com o exercício de xampu neutro pra limpeza dos fios e do couro cabeludo em um primeiro tempo, pra remoção da sujeira e da oleosidade. Enxágua-se logo em seguida. 2º. Passo: trata-se da aplicação do tratamento específico que necessita permanecer em contato com o couro cabeludo e o cabelo por, pelo menos, dez minutos, com o óleo essencial específico conforme a indicação.

] Seres humanos também podem tornar-se infectados com outros dois piolhos - o piolho do corpo humano e o piolho da púbis. Possíveis tratamentos adicionam: pentear o cabelo com periodicidade com um pente de dentes finos ou raspar a cabeça totalmente. ] A reação às mordidas é muito leve, e poderá ser vista duvidosamente entre os cabelos. Picadas são capazes de ser vistas de forma especial no pescoço de pessoas de cabelos compridos no momento em que o cabelo é empurrado pro lado. No dia seguinte imediatamente acordei bem melhor. Continuei com o antialérgico e no segundo dia estava de volta ao normal. Ufa. Resultado desta brincadeira: o óleo de melaleuca ressecou extremamente minha pele e desde deste modo só estou lavando o rosto com um hidratante de banho e água morna. Eu, que nunca tive alergia a nada, jamais encontrei que poderia ter uma reação a um óleo natural. Tinha lido muito sobre os privilégios do óleo de melaleuca e após o que ocorreu, pesquisei um pouco mais e descobri que ele é tóxico no momento em que extremamente concentrado e circunstância este tipo de reação na pele. Fica o aviso para quem for usar esse óleo. Lembre a todo o momento de diluí-lo em um carrier oil (óleo carreador), que é um óleo vegetal (como óleo de côco ou jojoba) usado pra diluir óleos primordiais. Novas pessoas apresentam reações alérgicas mesmo com o óleo diluído, por isso vale a pena fazer o teste em uma região pequena do corpo.

Explicação Olfativa: fragrância forte, canforada, fresca, amadeirada, balsâmica e pungente. Aromaterapia:coloque de cinco a dez gotas em um difusor elétrico ou rechaud. Banho de imersão: misture de 5 a dez gotas de óleo importante em uma colher de mel, álcool de cereais ou diretamente na água banheira quando ela neste momento estiver cheia. Banho de Assento ou escalda-pés: Adicione de 05 a dez gotas na água, seguindo a mesmas instruções para o uso em banheira. Compressa: coloque de três a 5 gotas de óleo primordial em uma tigela com água morna, mergulhe uma tolha ou pano de algodão e aplique. Repita no máximo até 5 vezes a aplicação.

Os outros componentes do óleo (terpinoleno, terpineno, etc), em sua maioria terpenos, lhe concederão propriedades solventes úteis, tendo como exemplo, em varizes, trombose e flebites (uso local). Também possuirão outras propriedades antiinfecciosas e antioxidantes, no entanto se aumentarem bastante no óleo, interferem na efetividade de ação do terpinenol 4 por torná-lo pouco hidrossolúvel nos tecidos e mais lipossolúvel, o que elimina sua rapidez de ação contra microorganismos. Cuidados: Apesar do óleo primordial de tea tree nem sempre ser indicado internamente em muitas literaturas, ele expõe excelentes resultados a partir de poucas gotas na água pra se tomar, principalmente na solução de infecções. Porém, é recomendado que seu exercício seja feito ante a direção adequada de um aromaterapeuta que tenha conhecimento sobre isso as dosagens no exercício interno de óleos interessantes. No caso de alergia ou mal estar, suspenda neste momento seu emprego. O emprego exagerado de tea tree, principalmente internamente pode ser tóxico, todavia se utilizado adequadamente traz resultados sem fazer nenhum mal.



.......................................................................................................................................................................................................

Contacto

Teléfono: (+598) 2359 5478
Fax: (+598) 2354 2052
Correo-e:agrocien@fagro.edu.uy
http://www.fagro.edu.uy/agrociencia/