Comentarios de lectores/as

Ômega três Vegetal: Fontes E Proveitos

Maria Peixoto (2018-06-02)


O impecável é que este tipo de padrão na alimentação, pautada pelo exagero, seja reservada pra circunstâncias excepcionais e que não seja algo que ocorra recorrentemente. Mesmo diante de um maior consumo de peixes num único dia, orienta-se incluir este tipo de proteína de origem animal. Por causa de peixes possuem alto valor biológico e boa digestibilidade - nas demais refeições no decorrer da semana, alternando-se com as carnes vermelhas, aves e ovos. Apesar de ainda ser uma charada circundada de controvérsias, o salmão desenvolvido em cativeiro de fato retém ômega 3, porém em menor concentração em que normalmente é encontrada no salmão selvagem. É relevante ressaltar que a quantidade de ômega 3 varia de acordo o lugar em que o salmão vive e as condições de alimentação.

suplementos alimentaresAs algas marinhas e o fitoplâncton são fontes primárias de ácidos gordos ômega-3. As fontes vegetais acrescentam nozes, sementes comestíveis, cártamo, óleo de algas, óleo de linhaça, cânhamo, abacate e algumas referências. As fontes animais acrescentam óleos de peixe, ovas, lulas e krill. O ômega 3 fornece excelentes proveitos pra função cognitiva e cérebro, diminui o traço de doenças vasculares e até pode favorecer no confronto a alguns tipos de câncer e pode ser proveitoso pra saúde das articulações.

Com o ir dos anos ocorre uma diminuição gradual de colágeno nos tecidos corporais, e ele também sofre em característica, resultando-se menos elástico e hidratado. O colágeno suplementar é usado pra prevenir a degradação do colágeno corporal, auxiliando por isso a conservar pele, tendões, ossos e ligamentos mais saudáveis. Ele atua no fortalecimento de unhas frágeis e promove maior resistência, espessura, progresso e brilho aos cabelos. Fabiana Honda, nutricionista da Patrícia Bertolucci Consultoria, destaca que o ômega-3 é um tipo de gordura primordial, ou seja, o organismo não a produz, no entanto tem que dela pra manter a saúde. "É relevante para a função cerebral, assim como este crescimento e desenvolvimento normais. Crianças que não obtiveram quantidade adequada de ômega-três das mães durante a gestação têm maior traço de desenvolverem dificuldades pela visão e nos nervos", explica.

Pela alimentação moderna há uma vasto oferta de alimentos industrializados e óleos refinados, e um baixo consumo de alimentos de origem vegetal e peixes e frutos do mar. Proporções acima desta recomendação, com mais ômega seis, não é interessante, em razão de o exagero deste ácido tem caráter pró-inflamatório. Pra alcançar executar estes valores, os pesquisadores Simopoulos e Robinson publicaram condutas que conseguem ser encontradas no Guia Dietético pra Dieta do Ômega em 7 Etapas. O óleo podes ser usado como temperos de saladas e pratos em geral, e a farinha ou o grão conseguem ser adicionados em iogurtes, vitaminas, tortas, bolos, saladas, sucos, entre novas receitas. Roseli Rossi, da Clínica Equilíbrio Nutricional. Caso você passe um pouco desta recomendação, não há grandes dificuldades, entretanto é respeitável não exagerar e preservar a todo o momento a dieta equilibrada, que a chia é um tanto calórica - são 164 calorias por porção da semente. Confira tudo o que essa colherzinha diária podes fazer na sua saúde! A semente de chia é rica em fibras em tão alto grau solúveis quanto insolúveis.

A estudante Tacylla Takemura, de 28 anos, foi diagnosticada com alergia branda e não abriu mão da cadela shitzu, Cindy de 6 anos de idade, e a gata Tribu, adotada há por volta de 3 meses. "Minha alergia é fraca, porém só de permanecer perto dos animais os sintomas da sinusite, rinite e a coriza neste momento começam. Além dos cuidados externos como o controle e limpeza do exagero de pelos, os animais precisam receber uma ração rica em ômega 3 e seis, de acordo com a veterinária. Segundo Patricia, uma legal dica pra combater o inchaço é conter o sal no preparo dos alimentos e o sal de adição com uma misturinha com ervas. Além de encurtar o sal, investir em uma alimentação rica em antioxidantes, como oleaginosas, frutas vermelhas e sementes, é uma fantástica maneira de tirar o inchaço. Patricia Davidson. Os alimentos referência de ômega 3, como peixes, linhaça, sementes de chia, abacate e azeite, por tua vez, são antiinflamatórios e auxiliam pela circulação sanguínea. Especiarias como canela, cardamomo, hibisco, gengibre e cravo têm potencial diurético e auxiliam a diminuir a retenção de líquidos.

A dieta ocidental tem baixa ingestão de alimentos funcionais ricos em ômega 3, ao contrário da dieta oriental. Precisamos juntar estes alimentos a nossa dieta do cotidiano: ingerir peixes no mínimo duas vezes por semana, duas castanhas do Brasil ou nozes, e uma colher de sopa de chia ou linhaça diariamente. A suplementação de ômega 3 traz diversos privilégios pra saúde. Será que ela é uma doença que poderá ser tratada e prevenida com a socorro de determinados alimentos? O especialista em nutrição Silvio Laganá não tem questões. Pra ele, o Omega três - uma gordura encontrada em peixes, nas nozes, no agrião, no espinafre - é um medicamento natural pra depressão. "O espinafre é a maior referência vegetal do Omega três em folhas verdes, próximo com o agrião", revela o nutrólogo. A ação do Omega 3 nos neurônios, as nossas células nervosas, explica os proveitos. "O Omega três faz com que a membrana celular que reveste os neurônios tenha fluidez, ela não deixa endurecer essa membrana. No caso das gorduras saturadas - as gorduras da carne, do leite e dos queijos -, ela coopera o endurecimento dessa membrana.



.......................................................................................................................................................................................................

Contacto

Teléfono: (+598) 2359 5478
Fax: (+598) 2354 2052
Correo-e:agrocien@fagro.edu.uy
http://www.fagro.edu.uy/agrociencia/