Comentarios de lectores/as

Intolerância à Lactose Diário Da Região

Samuel Nascimento (2018-04-25)


Fonte: Carboidrato ( Açúcar e amido ). Atividade: Fonte de armazenamento de energia no nosso corpo. Atuação do Nutricionista: Cardápio rico em carboidratos. Depois de bem mastigados e insalivados, os alimentos formam uma espécie de papa chamado bolo alimentar, que é engolido e , a partir do esôfago, chega ao estômago. ➡ Saiba mais sobre intolerância à lactose por aqui! Caso opte por consumir leite, alternativa a versão integral. Leite desnatado não é recomendado. Dê preferência pra laticínios fermentados, por exemplo: iogurte natural, queijo e coalhada. No procedimento de fermentação, a lactose é transformada, em extenso parcela, em ácido lático. Nata, creme de leite, manteiga também são permitidos. Os queijos mais indicados são aqueles mais gordurosos e maturados, contendo menos lactose (inclusive, são os mais gostosos!).

lactaseNa sexta-feira, autoridades de Bruxelas informaram que um homem belga ficou a primeira morte conhecida provocada na bactéria NDM-um. O homem, que não teve sua identidade divulgada, tinha sido hospitalizado no Paquistão pra cuidar um ferimento pela perna causado por um imprevisto de veículo, e morreu depois de ser repatriado a um hospital pela Bélgica. Reserve. Pique a rúcula e reserve assim como. Doure o alho e a cebola no azeite. Acrescente as azeitonas pretas, o suco de tomate e o sal. Misture bem e cozinhe por cinco minutos em fogo pequeno, acrescente o tofu temperado, mexa levemente e desligue o fogo. Cubra a massa com o molho e acrescente por último a rúcula picada, regando com um fio de azeite e uma pitada de sal marinho.

Cerca de 2/três da população mundial, segundo detalhes da População Brasileira de Alimentação e Nutrição, possui deficiência da enzima lactase como tomar. É ela a causador da quebra do açúcar lactose, presente em laticínios. Sem a lactase, um copo de leite se torna um problemão. Esse açúcar se acumula no intestino, o que significa residência, comida e roupa lavada pra bactérias, que se multiplicam, causando problemas como gases e diarreia. MITO - Devido às tecnologias atuais, o teor de proteínas do soro (Whey protein) não tem ligação ao teor de lactose no produto. Se pela embalagem do objeto que contém Whey Protein contiver a informação "zero lactose", o artefato será seguro para o ser com intolerância. O mundo inteiro tem um incômodo com produtos com lactose. Certas manifestações são capazes de dedurar esse problema. Eis um dos principais desafios para provar se a lactose é a causadora dos incômodos: as sensações desagradáveis conseguem ser confundidas com sinais de outras doenças gastrointestinais. Angústia, flatulências e barriga inchada exercem porção do quadro. A diarreia bem como. Isso em razão de, pela ausência da enzima lactase, a lactose não é digerida e atrai água para o intestino, causando o desarranjo.

Diarreias causadas por gastroenterite viral Se tiver náusea, cólica, inchaço, gases ou diarréia após comer leite ou derivados de leite, talvez você tenha intolerância à lactose, que é uma reação ao consumo de laticínios. O Instituto Nacional de Diabetes e de Doenças Digestivas e dos Rins relata que “entre 30 milhões e cinquenta milhões de norte-americanos têm intolerância à lactose”. Segundo o livro The Sensitive Gut (O Sensível Aparelho Digestivo), publicado pela Universidade de Medicina de Harvard, estima-se que “até 70 por cento da população mundial tem um tipo de defeito com a lactose”. Um deles é avaliar como os nossos genes se "comportam" em relação aos nutrientes que obtemos pela alimentação. Na ciência, as evidências sobre isso as interações entre expressão gênica e dieta são conhecidas pelos exemplos clássicos da intolerância à lactose e da fenilcetonúria, duas condições clínicas relacionadas a manejos alimentares específicos. No primeiro caso, foram descritas mutações no gene da lactase, a enzima de hidrolisa o açúcar presente no leite e derivados (lactose) em glicose e galactose. No caso da fenilcetonúria, a deficiência genética da enzima fenilalanina-hidroxilase é responsável por alterações mentais e convulsões.

É significativo não confundir a intolerância à lactose com outras doenças ou disfunções que podem causar quadro similar. Para que pessoas estiver com suspeita de intolerância à lactose e quiser fazer um teste em residência, basta arredar da alimentação os leites e derivados durante uma semana. Se o incômodo sumir, pode estar aí o motivo.

Para compreender melhor como as enzimas funcionam, não deixe de visitar a página ENZIMAS (clique aqui). As enzimas possuem um desmpenho diferende dependendo da temperatura e do pH (ponto hidrogeniônico). O pH indica se uma substância é ácida, neutra ou básica. PTIALINA: Secretada pelas glândulas salivares situadas pela boca, age sobre o amido. Deficiência de Lactase; alergia ao leite. É a incapacidade de aproveitarmos a lactose, ingrediente característico do leite animal ou derivados (laticínios) que produz transformações abdominais, no mais das vezes, diarréia, que é mais evidente nas primeiras horas seguintes ao seu consumo. Pela superfície mucosa do intestino delgado há células que produzem, estocam e liberam uma enzima digestiva (fermento) chamada lactase, causador da digestão da lactose. Quando esta é mal absorvida passa a ser fermentada na flora intestinal, produzindo gás e ácidos orgânicos, o que resulta pela assim chamada diarréia osmótica, com vasto perda intestinal dos líquidos orgânicos.



.......................................................................................................................................................................................................

Contacto

Teléfono: (+598) 2359 5478
Fax: (+598) 2354 2052
Correo-e:agrocien@fagro.edu.uy
http://www.fagro.edu.uy/agrociencia/