Comentarios de lectores/as

Ômega 3 Protege O Cérebro Durante Crises Epilépticas

"Enzo Gabriel Pereira" (2018-06-30)


suplementos alimentaresAjuda a apagar os níveis de colesterol e triglicérides no sangue. Além do mais, por meio do consumo de ômega-3, acontece no corpo a biossíntese dos ácidos graxos EPA (eicosapentaenoico) e DHA (docosahexaenóico) que, apesar de apresentarem estruturas aproximados, realizam funções bem diferentes e primordiais no corpo humano. O EPA está relacionado, principalmente, com a saúde cardiovascular, durante o tempo que que o DHA é considerado fundamental pro desenvolvimento do sistema visual e cerebral, além de estar membro à saúde materno-infantil. O ômega 3 age de duas formas pra possibilitar privilégios ao sistema cardiovascular. O EPA regula a atividade das plaquetas sanguíneas, evitando coágulos de sangue, que podem levar a um AVC ou infarto.

O estudo, publicado pela revista Epilepsy & Behavior, demonstrou que o ômega 3 se intensifica a realização de proteínas que "capturam" a entrada do cálcio no neurônio e, por conta disso, auxílio a cortar a morte das células cerebrais. Na procura, um grupo de 10 ratos recebeu 85 miligramas de ômega 3 por quilo de peso durante sessenta dias, no tempo em que foi administrada uma substância inócua a um número semelhante de animais, que serviu de grupo controle. Novas pesquisas apontaram a avanço do desenvolvimento escolar em crianças e jovens. Além do mais ele alivia os sintomas da artrite reumatóide. O consumo do ômega 3 colabora para o alívio dos sintomas desta doença em razão de ele possui ação anti-inflamatória. Esse ácido graxo funciona como um bloqueador de enzimas que produzem o recurso inflamatório. É primordial ressaltar que o lipídeo irá acudir no tratamento da dificuldade filiado a outros medicamentos. Por sua ação anti-inflamatória, o ômega 3 é envolvente também para outras doenças autoimunes de cunho inflamatório.

Esse grão de sabor suave, quase neutro, é outra referência de Ômega três, e também proteínas. O alimento ainda carrega substâncias capazes de melhorar o transporte de oxigênio pelas células do sangue. Daniela Cyrulin. A quinua poderá ter consistência de farinha ou de flocos. No caso dos flocos, uma boa ideia é adicioná-los à salada de frutas. As evidências científicas sugerem que o óleo de peixe de fato reduz os triglicéridos elevados, e também socorro a precaver doenças cardíacas e incidente vascular cerebral quando tomado nas quantidades recomendadas. Ironicamente, tomar Ômega 3 em excedente poderá ampliar o risco de acontecimento vascular cerebral. Os peixes podem ter adquiriu tua reputação como "alimento para o cérebro", porque outras pessoas comem peixe para proteger com a depressão, psicose, déficit de atenção, doença de Alzheimer, e outros distúrbios. O orégano é um tempero extremamente utilizado no Brasil, conhecido principal em sua maneira desidratada. Ele combina muito bem com receitas como pizza e macarrão. Todavia quem pensa que ele só serve pra temperar vai se surpreender com os privilégios do orégano para a saúde ! Apesar de o orégano ser muito mais consumido desidratado, é possível localizar as folhas frescas e até em óleo, que é bastante usado na indústria cosmética.

Estas precauções estão no recinto por inúmeras razões. Por um lado, omega-3 poderá causar derramamento do sangue ou sangramento excessivo em muitas pessoas. Por esta desculpa, algumas instituições incentivar as pessoas que estão planejando a cirurgia para parar de tomar suplementos de ômega-3 uma semana ou duas antes do procedimento. Evidências sugerem que pessoas que comem uma dieta rica em ALA têm menos possibilidade de sofrer um ataque cardíaco fatal. ALA poderá restringir os riscos de doenças cardíacas por intermédio de uma variedade de formas: redução da inflamação, promoção da saúde dos vasos sanguíneos, e redução do traço de arritmia (batimentos cardíacos irregulares). Inúmeros estudos em humanos bem como sugerem que dietas ricas em ômega-três (incluindo ALA) são capazes de restringir a pressão arterial. O ômega 3 ou óleo de peixe, bem como chamado de ácido graxo, é um ácido carboxílico poli-insaturado que é conhecido como importante, porque não é sintetizado pelo corpo humano e, precisa ser obtido exclusivamente pela alimentação. As maneiras mais comuns de se obter estes ácidos graxos são por meio de alguns óleos vegetais como óleo da linhaça, de algas, abacate, nozes, amendoas, gergelim, linhaça, girassol todavia assim como e principalmente nos óleos de peixes. O ômega 3 é frequentemente encontrado em superior quantidade em peixes como salmão, sardinha, bacalhau e atum. O ômega 3 é dividido em duas categorias: cadeia longa e o de cadeia curta, sendo o mais recomendado para nossa saúde o de cadeia longa, por trazer mais proveitos a nossa saúde.

No encerramento das contas, é como obter filés de sardinha ou postas de salmão no mercado, certo? Visto que é aí que a porca, ou seja, o peixe, torce o rabo. Até sem demora, não há certeza de que as cápsulas afastem, verdadeiramente, um infarto ou despeje. "Muitos estudos não conseguiram sobressair os achados positivos de trabalhos anteriores", contextualiza a nutricionista Isabela Pimentel Mota, diretora científica do Departamento de Nutrição da Comunidade de Cardiologia do Estado de São Paulo. O que é e como age? Os ácidos graxos ômega 3 são sérias pra formação da membrana externa das células que formam o cérebro por onde fluem os sinais nervosos, que fazem a troca de mensagem com as demais células corporais. Caso a dieta seja pobre em alimentos que contenham ômega 3 , essa troca de mensagens fica mais lenta, o que faz com que ocorram problemas no aprendizado, no raciocínio e no humor. Os alimentos funcionais ricos em ômega 3 são: peixes de águas profundas (atum, arenque, salmão, truta, sardinha, bacalhau e cavalinha), óleos de peixe. Se você não ama o amo de peixe, poderá adquirir os benefícios do ômega 3 consumindo sementes e óleo de linhaça. Esses sãos somente alguns dos incontáveis proveitos do ômega 3. Estudos estão sendo efetuados para achar novas aplicação do ômega 3, e discernir outros privilégios.



.......................................................................................................................................................................................................

Contacto

Teléfono: (+598) 2359 5478
Fax: (+598) 2354 2052
Correo-e:agrocien@fagro.edu.uy
http://www.fagro.edu.uy/agrociencia/