Comentarios de lectores/as

Dr. Paulo Maciel

"João Isaac Moreira" (2018-06-24)


Todavia, não incluir o leite pela dieta poderá transportar a uma carência de cálcio, vitamina D, riboflavina e proteína, alerta a Associação Americana de Gastroenterologia, Hepatologia e Nutrição Pediátrica. Esta deficiência pode ser compensada com alimentos como: vegetais folhosos, ostras, sardinha, salmão enlatados, camarão e brócolis e sucos com adição de cálcio. A tolerância é variável entre indivíduos e em um mesmo ser ao longo do tempo. Aqueles que reagem mal mesmo a quantidades extremamente pequenas de lactose devem dirigir-se a um médico. Bolachas e biscoitos que possuem leite em sua constituição. A intolerância à lactose é muito comum e não é considerada um defeito dramático de saúde.

alimentos funcionaisVocê imediatamente deve ter visto nos supermercados muitos produtos sem lactose, no entanto você sabe o que é essa substância? A lactose é um tipo de açúcar natural do leite, que também está presente nos seus derivados, como iogurtes e queijos. Mas a lactose faz mal ao organismo ? O TudoGostoso te explica! A lactose faz mal? Não. A lactose só faz mal para quem tem intolerância à substância , uma situação na qual o corpo é incapaz de digerir o açúcar do leite. Não confunda intolerância à lactose com alergia ao leite ! A alergia é quando o sistema imunológico tem uma reação adversa às proteínas do leite. As células de defesa combatem a presença das proteínas, pois as confundem com invasores, e isso razão reações alérgicas: coceira, manchas, tosse, falta de ar, diarreia e até reações mais graves. A intolerância é um distúrbio digestivo, relativo com a inexistência ou redução da realização da lactase, a enzima que digere a lactose. Não, a lactose não é retirada para fazer os produtos sem lactose !

Quanto mais lactose é consumida, piores são os sintomas. A deficiência primária em lactase é um defeito. A alergia alimentar é uma reação hipersensível a uma substância normalmente inofensiva. Existe uma enorme multiplicidade de agentes alérgenos que conseguem incomodar teu filho. Dentre eles a intolerância a lactose é o mais comum. Ela é causada pela inexistência da enzima "lactase", responsável pela "digestão" do açúcar do leite (lactose) e de seus derivados. A justificativa é o acrescento no diagnóstico de pessoas com intolerância à lactose no estado. A nova lei não informa, porém, em qual cota do rótulo precisa constar o detalhe e de que maneira. Pra agência, "a informação sobre a presença de lactose nos rótulos poderá favorecer os consumidores com intolerância a esse açúcar a selecionarem alimentos mais adequados as tuas necessidades, contribuindo para a promoção e proteção da saúde da população".

Uma vez caracterizado o diagnóstico, pode se precaver novos sintomas não utilizando leite e laticínios. Utilizando-os, a prevenção é mediante a tomada de fermento sintético prévia a qualquer ingestão de lactose. Proibida a reprodução sem autorização - Todos os direitos reservados. Diversas pessoas acalentam o sonho da aposentadoria onde o parar de trabalhar representa o íntegro descanso de uma longa jornada que, pra extenso cota, começou bastante cedo pela vida.

Barras de cereais
Cereais matinais
dez chocolates sem lactose por ti dominar
Carnes em geral;Geléias
vinte e um de março de 2015 às 15:33
Iolanda alegou
Leite de arroz

Teu valor biológico está referente com a geração de energia, sendo considerado um nutriente básico, de grande importância na alimentação do ser humano. Desejamos classificá-los em atividade de teu tamanho molecular, dos mais claro denominados de monossacarídeos aos de maior tamanho denominados de polissacarídeos. Os monossacarídeos de maior abundância, são constituídos de seis carbonos (hexoses) os quais queremos ressaltar a glicose, galactose e frutose. A partir dos monossacarídeos, formam-se mais duas classes de carboidratos uma primeira denominada de oligossacarídeos (constituídos de dois até vinte monossacarídeos interligados) nos quais estão contidos: sacarose (açúcar de cana), lactose, maltose, trealose (dissacarídeos) rafinose (trissacarídeso) e estaquiose (tetrassacarídeo).

O sufixo - ase é utilizado pra indicar as enzimas. Em tão alto grau o sufixo -ase como os sufixos -íase e -ose são sufixos verbais de origem grega, resultantes todos de um primitivo sufixo -sis. "Dos verbos de conteúdo em a com sufixo -sis resulta -iasis(-íase), e dos verbos de foco em ocom o sufixo -sis, geralmente com alongamento daquela vogal, formou-se -osis (ose)". As infecções parasitárias - isto pode eliminar temporariamente os níveis de lactase. A deficiência de ferro - a inexistência de ferro pela dieta pode interferir com a digestão da lactose e tua absorção. Em torno de 2 terços dos bebês vai provar qualquer grau de deficiência de lactase em seus primeiros meses.

Testes de DNA antigos evidenciam que essa tolerância à lactose é recente. Há 20 mil anos, esta maestria só existia entre bebês e crianças pequenas. Hoje, trinta e três por cento da população mundial consegue digerir bem o leite. Esta transformação evolutiva sugere que ingerir o leite diretamente em vez de ter que fermentá-lo pra fazer iogurte ou queijo seria uma vantagem. Collin P Reunala T, Pukkia E, et al - Celiac disease- associated disorders and survival. Diarréia osmótica - O que é? Doença de Crohn - O que é? Enteropatia por glúten - Quais os sintomas? Enteropatia por glúten - Como cuidar? Diarréia - Quais os tipos? Doença de Crohn - Como se mostra?



.......................................................................................................................................................................................................

Contacto

Teléfono: (+598) 2359 5478
Fax: (+598) 2354 2052
Correo-e:agrocien@fagro.edu.uy
http://www.fagro.edu.uy/agrociencia/