Efeito da fertilização nitrogenada na produção e composição química de uma pastagem natural

D. do Amaral Correa, S. M. Scheffer-Basso, R. S. Fontaneli

Resumen


O trabalho teve como objetivo avaliar a resposta de uma pastagem natural do Rio Grande do Sul a doses de nitrogênio (0, 50, 100, 150 e 200 kg.ha-1 N), fracionadas em quatro aplicações após cortes realizados a cada 42 dias, entre setembro de 2003 e março de 2004. A produção de massa seca (MS) variou entre 858 kg.ha-1 (novembro) e 1.267 kg ha-1 MS (março), o que correspondeu a uma taxa média diária de 20,42 e 30,16 kg ha-1 dia-1 MS, respectivamente. A produção total de forragem aumentou linearmente às doses de N (y= 13,38x + 2.692,7), obtendo-se 5.420 kg ha-1 MS com a dose de 200 kg ha-1 N. A densidade do horizonte da colheita, definida como a relação entre a MS produzida e a altura da pastagem, variou de 47,3 (0 kg ha-1 N) a 76,6 kg MS ha-1 cm-1 (200 kg ha-1 N). O nitrogênio não afetou a composição química da forragem. Foram obtidos teores médios de 8% de proteína bruta, 44% de fibra em detergente ácido e 70% de fibra em detergente neutro.


Texto completo: PDF

Refbacks

  • No hay Refbacks actualmente.

Comentarios sobre este artículo

Ver todos los comentarios


Creative Commons License
Este trabajo está licenciado bajo la licencia Creative Commons Attribution 3.0 .

.......................................................................................................................................................................................................

Contacto

Teléfono: (+598) 2359 5478
Fax: (+598) 2354 2052
Correo-e:agrocien@fagro.edu.uy
http://www.fagro.edu.uy/agrociencia/